quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Agricultor foi morto pelo filho e irmão em Alexandria, diz polícia

O irmão e o próprio filho. Esses são os principais suspeitos, apontados pela polícia, de ter matado o agricultor José Olavo de Araújo, de 45 anos, a pedradas, pauladas e com um tiro no tórax, na zona rural de Alexandria, região do Alto Oeste, nesta quarta-feira (23).
A informação foi repassada ao Mossoró Hoje pelo capitão PM Inácio Brilhante, comandante do policiamento local. Segundo a polícia, a própria família confessou o assassinato.
“Nós percebemos que as pegadas que iam até o local do crime, eram as mesmas que retornavam para a casa. Após averiguação na residência da vítima, encontramos roupas com vestígios de sangue. Ao serem questionados, eles resolveram contar tudo”, disse Brilhante.
De acordo com a esposa do agricultor, o crime teria sido motivado por que a vítima costumava agredir ela, o filho e o irmão. Revoltados com a situação, o filho e o irmão arquitetaram o assassinato.
“O lugar lá é só mato. Não tem outras casas por perto. Não tinha nem como eles forjarem uma emboscada para ele”, explanou o comandante da PM.
Brilhante conta que, quando a polícia chegou na residência, estavam a esposa, um cunhado e o filho. A esposa e o cunhado foram levados para a delegacia para prestar esclarecimentos. Ao ser revelado a participação do filho da vítima no crime, a polícia retornou ao local, mas os suspeitos já tinham fugido.
“Disseram que ele é menor de idade. Não confirmamos ainda. Já o outro suspeito, o irmão, é conhecido como “Netinho”. Ele fugiu antes de chegarmos à residência”, disse.
A polícia realiza buscas na região, no intuito de localizar e prender os suspeitos. Esta foi a 5ª morte violenta no município de Alexandria durante o ano de 2015.

Fonte: Mossoró Hoje
Postagem de Evandro Lopes.

0 comentários


EnviarEmoticon

Próxima Proxima
Anterior Anterior