quarta-feira, 18 de novembro de 2015

MS analisa projeto de Residência Médica para UERN em Pau dos Ferros


O reitor Pedro Fernandes Ribeiro Neto recebeu o prefeito de Pau dos Ferros, Fabrício Torquato, para discutir uma parceria para instalar no município alto-oestano a Residência Médica em Medicina de Família e Comunidade da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN).

Serão ofertadas duas vagas que serão anunciadas em edital suplementar a ser publicado logo que a proposta seja aprovada em nível federal. O projeto já está em andamento e até o dia 18 de dezembro uma equipe do Ministério da Saúde virá analisar a proposta.

O reitor disse ser uma satisfação uma parceria como essa. “Nós queremos oferecer na região mais serviços na área da saúde. O nosso papel é levar para a sociedade o que a Universidade faz. Estamos num momento de oportunidades. A gente entende que esse é o papel do ensino superior”, declarou.

O prefeito Fabrício Torquato disse que a administração municipal busca avançar na área da saúde e essa parceria é considerada muito importante. “Desde que Patrícia levou a possibilidade de uma parceria com Pau dos Ferros para a Residência ficamos interessados. É uma oportunidade a gente expandir essa parceria”, frisou.

A secretária de saúde de Pau dos Ferros, Patrícia Leite, avaliou esta parceria como uma oportunidade para qualificar ainda mais os serviços médicos ofertados na cidade. “Eu queria agradecer essa parceria que começou ano passado com a Faculdade de Medicina. Pau dos Ferros é polo de 37 municípios e atende a todas as demandas e precisamos promover ações de fixação de profissionais médicos em nossa saúde. Estamos buscando essa parceria na área de saúde de família e nós enxergamos na Faculdade de Medicina da UERN a oportunidade para que possamos qualificar ainda mais esses profissionais”, acrescentou.

O diretor da Faculdade de Ciências da Saúde (FACS), Fausto Pierdoná Guzen, destacou a qualidade do curso de Medicina da UERN. “A FACS está avançando em muitas áreas com o curso de graduação bem avaliado e os nossos alunos estão tendo uma boa repercussão lá fora. Estamos levando o serviço de verificação de óbito para vários municípios e temos as residências”, declarou.

A coordenadora da Residência Médica em Medicina de Família e Comunidade, Andrea Taborda, afirma que essa será uma experiência importante, inclusive, disse que já existem candidatos a Residência em Pau dos Ferros. “A Residência ocorreria com a preceptoria lá. As atividades teóricas seriam acompanhadas a distância e até agosto a gente poderia inserir mais vagas”, acrescentou.

Já a coordenadora da Residência em Ginecologia e Obstetrícia, Isabele Cantídio, disse que existe uma possibilidade considerável de levar a Residência que ela comanda para a cidade.  “A gente poderia introduzir a Residência nos mesmos moldes”, explicou.

Via: Mossoró Hoje.
Postagem de Evandro Lopes.

0 comentários


EnviarEmoticon

Próxima Proxima
Anterior Anterior