terça-feira, 15 de dezembro de 2015

PF cumpri mandatos de busca nos apartamentos de Eduardo Cunha e Henrique Alves


A Polícia Federal (PF) está na residência oficial do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), no Lago Sul em Brasília. Nome da Operação é Catilinária. No Rio Grande do Norte, viaturas da Polícia Federal estão nas casas e apartamentos pertencentes ao ministro do Turismo Henrique Eduardo Alves.
Três viaturas da PF, com aproximadamente 12 agentes, isolam o local e cumprem mandados de busca e apreensão, no âmbito da Operação Lava Jato.
Os mandados estão sendo cumpridos também na residência de Cunha no Rio de Janeiro. Foram autorizados pelo ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal.
Cunha é acusado de receber US$ 5 milhões em propina de contratos de navios-sondas e também de um negócio fechado pela Petrobras na África que teriam abastecido contas no exterior mantidas pelo peemedebista e familiares na Suíça.
Também são alvos da operação o senador Edison Lobão (PMDB-MA) e o deputado Aníbal Gomes (PMDB-CE), assim como o ministro de Ciência e Tecnologia, Celso Pansera, segundo informa o portal 247.
Segundo o blog de Bruno Geovane (BG), no Rio Grande do Norte a Policia Federal está no apartamento do ex deputado federal e atual ministro do Turismo Henrique Eduardo Alves.
Estão sendo cumpridos mandados também na residência de Cunha, no Rio de Janeiro, e em diretórios de partidos políticos.
O Comando de Operações Táticas da PF chegou à Península dos Ministros, onde fica a residência oficial do presidente da Câmara, às 5h50, e a operação começou às 6h.
A Polícia Legislativa acompanha os trabalhos da Polícia Federal.
Informações preliminares indicam que novos mandados estariam sendo cumpridos em outros locais de Brasília e em alguns estados.
Hoje, o Conselho de Ética da Câmara pode votar o parecer sobre a representação contra Eduardo Cunha por suposta quebra de decoro parlamentar.
O novo relator da representação movida pelo PSOL e pela Rede, o deputado Marcos Rogério (PDT-RO), apresenta o parecer favorável ao prosseguimento das investigações.

Com informações da Agência Brasil e do 247

Via: Mossoró Hoje.
Postagem de Evandro Lopes.

0 comentários


EnviarEmoticon

Próxima Proxima
Anterior Anterior