terça-feira, 30 de agosto de 2016

A pé, preso foge pela porta da frente de penitenciária da Grande Natal


Pavilhão Rogério Coutinho Madruga, em Nísia Floresta; a unidade também é conhecida como Pavilhão 5 de Alcaçuz (Foto: Divulgação/Sejuc)
Detento escapou do Pavilhão Rogério Coutinho Madruga, em Nísia Floresta; a unidade também é conhecida como Pavilhão 5 de Alcaçuz (Foto: Divulgação/Sejuc).
 
Mais uma fuga foi registrada no sistema prisional do Rio Grande do Norte. Na tarde desta segunda-feira (29), um preso fugiu da Penitenciária Estadual Rogério Coutinho Madruga, na Grande Natal. De acordo com informações da Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejuc), houve negligência por parte de um agente penitenciário que acompanhava o preso.
De acordo com informações da Sejuc, a fuga aconteceu por volta das 14h30. O preso levava comida para os porcos que são criados na unidade acompanhado de um agente. Segundo a Sejuc, o agente se descuidou e o preso fugiu correndo pelo portão da frente da unidade.
Ainda de acordo com a Sejuc, o preso foi identificado como José Carlos Firmino da Silva, de 30 anos. Ele cumpria pena por roubo. Um processo de sindicância interna foi aberto para investigar as condições da fuga.
Com a fuga, sobe para 327 o número de presos que escaparam do sistema prisional em 2016. O número é superior a todo o ano de 2015, quando 212 presos fugiram. Alguns foram recapturados, mas nem a Secretaria de Justiça (Sejuc) nem a Secretaria de Segurança Pública (Sesed) conseguem precisar quantos foram encontrados e levados de volta aos presídios.
Fugas de 2016
- Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta: 102 fugitivos em 12 fugas (19 e 21 de janeiro, 21 e 24 de fevereiro, 10 e 13 de março, 10, 16, 18 e 23 de abril, 2 de maio e 8 de junho);
- Cadeia Pública de Natal, em Natal: 46 fugitivos em 1 fuga (12 de janeiro);
- Centro de Detenção Provisória da Ribeira, em Natal: 46 fugitivos em 5 fugas (12 de fevereiro, 7 de março, 25 de abril , 9 de maio e 31 de julho);
- Penitenciária Desembargador Francisco Pereira da Nóbrega, o ‘Pereirão’, em Caicó: 46 fugitivos em 2 fugas (14 de julho e 22 de agosto);
- Penitenciária Agrícola Dr. Mário Negócio, em Mossoró: 24 fugitivos em 6 fugas (1º, 22, 29 e 30 de janeiro, 8 de março e 22 de abril);
- Cadeia Pública de Caraúbas, em Caraúbas:12 fugitivos em 2 fugas (5 de março e 6 de junho);
- Complexo Penal Dr. João Chaves, em Natal: 9 fugitivos em 1 fuga (5 de junho);
- Centro de Detenção Provisória de Parnamirim, em Parnamirim: 8 fugitivos em 2 fugas (25 de março e 7 de junho);
- Presídio Rogério Coutinho Madruga, em Nísia Floresta: 8 fugitivos em 2 fugas (27 de março e 29 de agosto);
- Cadeia Pública de Mossoró, em Mossoró: 6 fugitivos em 2 fugas (1º de março e 11 de abril);
- Cadeia Pública de Mossoró, em Mossoró: 4 fugitivos em 1 fuga (19 de julho);
- Centro de Detenção Provisória de Macau, em Macau: 4 fugitivos em 1 fuga (14 de janeiro);
- Centro de Detenção Provisória de Patu, em Patu: 4 fugitivos em 1 fuga (4 de abril);
- Centro de Detenção Provisória do Potengi, em Natal: 3 fugitivos em 2 fuga (17 de janeiro, 18 de maio);
- Centro de Detenção Provisória de Ceará-Mirim, em Ceará-Mirim: 2 fugitivos em 1 fuga (24 de janeiro);
- Centro de Detenção Provisória de Jucurutu, em Jucurutu: 2 fugitivos em 1 fuga (8 de agosto);
- Centro de Detenção Provisória de Candelária, em Natal: 1 fugitivo em 1 fuga (24 de junho);
- Cadeia Pública de Nova Cruz, em Nova Cruz : 1 fugitivo em 1 fuga (22 de agosto)
Total: 327 fugitivos
Sistema em calamidade
O sistema penitenciário potiguar não passa por um bom momento. E faz tempo. Em março de 2015, após uma série de rebeliões em várias unidades prisionais, o governo decretou estado de calamidade pública e pediu ajuda à Força Nacional. Para a recuperação de 14 presídios, todos depredados durante os motins, foram gastos mais de R$ 7 milhões. Tudo em vão. As melhorias feitas foram novamente destruídas. Atualmente, em várias unidades, as celas não possuem grades e os presos circulam livremente dentro dos pavilhões.

Fonte: G1 RN.
Evandro Lopes.

0 comentários


EnviarEmoticon

Próxima Proxima
Anterior Anterior