sexta-feira, 26 de agosto de 2016

Oposição lança um bode para "disputar" eleição com prefeita de Jati/CE

A candidatura do animal surgiu como forma de protesto de um grupo de jovens opositores à atual prefeita que tenta reeleição no município.
No município de Jati, localizado a 525 km de Fortaleza, um bode vai “disputar” a eleição com a atual prefeita Maria de Jesus Diniz Nogueira (PSD), conhecida como Neta.
A irreverência e o humor foram as armas encontradas de um grupo de opositores após o candidato deles não conseguir registro junto à Justiça Eleitoral.
Dr. Jarbas, médico que atende pelo Programa Mais Médicos do Governo Federal, havia sido escolhido pela oposição para fazer frente à prefeita no pleito de outubro, mas não conseguiu deixar o cargo a tempo e acabou perdendo a possibilidade de disputa.
Após diversas reuniões internas, o grupo não entrou em consenso e optou por não lançar outro nome. A ideia do bode, de acordo com o professor universitário Kael Rocha, veio em forma de protesto a uma eleição que terá apenas uma candidatura.
“A juventude de oposição resolveu criar o Bode 90. Começou como um simples protesto, mas a coisa cresceu”, afirmou.
O número do bode, o 90, faz referência ao número do animal no Jogo do Bicho, e deve ser digitado na urna por uma parte da população contrária à atual gestão como forma de protesto, anulando o voto.
Um dos organizadores da candidatura que não quis se identificar afirma que o animal iniciou a campanha na tarde da última quinta-feira, 18, percorrendo as ruas do município e ganhando a “simpatia” dos moradores. Mas logo precisou de repouso e deve ser poupado da rotina de campanha nos próximos dias para evitar maus-tratos.
“A gente vai comprar um bode de plástico para continuar a campanha. Vai ser criada também uma montagem para criar material, como adesivos. Um grupo de apoiadores foi lançado ontem (quinta-feira), e já tem gente interessado em entrar. Ganhamos um espaço também para fazer o comitê dele”, disse.
Como a legislação eleitoral não contabiliza votos nulos, apenas os válidos, não há risco da eleição no município ser anulada em razão de uma grande quantidade de votos no bode candidato.
O objetivo do grupo opositor é usar o animal como uma forma de protesto pela atual condição administrativa do município. A eleição ocorre no dia 2 de outubro.

Prefeitura
O POVO procurou a prefeita Neta, e candidata a reeleição, para comentar o caso, mas as chamadas telefônicas disponibilizadas pela Associação dos Municípios do Estado do Ceará (Aprece) não foram atendidas durante todo o dia de ontem.
Fonte: Jornal O Povo / João Moacir.
Evandro Lopes.

0 comentários


EnviarEmoticon

Próxima Proxima
Anterior Anterior