terça-feira, 22 de novembro de 2016

Laudo diz que menina foi enterrada viva em Carmo da Mata, Centro-Oeste de MG

Whatsapp/Divulgação
A menina Ana Clara Pereira Gonçalves, de 5 anos, foi enterrada viva por seu padrasto, na cidade de Carmo da Mata, Centro-Oeste de Minas. A Polícia Civil informou nesta segunda-feira que o laudo de necrópsia da criança apontou como causa da morte asfixia mecânica e obstrução de vias arteriais. Também foi encontrada no pulmão da menina uma porção de terra, o que aponta que ela respirava quando foi enterrada.
O laudo não apontou nenhuma lesão interna ou externa, que pudessem causar a morte ou mesmo ter deixado a menina inconsciente. As investigações continuam no intuito de identificar a circunstância, motivação e dinâmica do crime.
O delegado Douglas Camarano de Castro, que comanda as apurações do caso, informou que está na fase final de conclusão do inquérito e que vai pedir que a prisão temporária do padrasto seja convertida em preventiva, pelo homicídio qualificado. 

Fonte: Márcio Melo.

0 comentários


EnviarEmoticon

Próxima Proxima
Anterior Anterior