terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Pau dos Ferros ainda é uma das cidades mais seguras do Estado do RN

Pau dos Ferros ocupa uma área de 259,959 km² e está em 18° lugar, no ranking das cidades mais populosas do Rio Grande do Norte, ultrapassando os 30 mil habitantes. Possui atualmente três agências e vários postos de atendimentos bancários, com o setor de prestação de serviços servindo de principal geração de renda e o comércio como importante atividade econômica. Município polo, à urbe recebe diariamente uma estimativa de cerca de cinquenta mil pessoas oriundas dos municípios da tromba do elefante.
Enquanto em algumas cidades do Estado o número de homicídios vem crescendo, em Pau dos Ferros, por exemplo, no mês de novembro – não foi registrado nenhum crime contra a vida (homicídio), sem falar nos estouros às agências e correspondentes bancários que estão assustando os moradores de muitas cidades potiguares, enquanto que – em Pau dos Ferros continua sem registros de crimes desta natureza.
Com todas as dificuldades notórias que o Estado e o Brasil enfrentam, principalmente na área da segurança, em Pau dos Ferros não é diferente, contando com uma sede de batalhão de polícia militar, um distrito de trânsito, uma delegacia regional e municipal de polícia civil, mas com condições mínimas de trabalho, face às inúmeras deficiências – principalmente o número reduzido dos efetivos policiais.
A título de observação - em Pau dos Ferros não existe uma guarda municipal para auxiliar na segurança pública, deixando todo o trabalho nos “ombros” das forças policiais. A Constituição Federal estabelece que segurança pública é dever do Estado, direito e responsabilidade de todos e acrescenta que os municípios poderão constituir guardas municipais destinadas à proteção de seus bens, serviços e instalações.
Diante de tal cenário, nota-se que existe um empenho fora do normal por parte dos policiais civis e militares que atuam nesta cidade, prova disso são os dados estatísticos que classificam a cidade como uma das mais seguras do Estado do Rio Grande.

Fonte: Nosso Paraná.

0 comentários


EnviarEmoticon

Próxima Proxima
Anterior Anterior