segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Padrasto é preso acusado de estrangular e matar enteado de 3 anos

Share
©  Arquivo pessoal
Paulo Roberto dos Santos Pereira, de 29 anos, foi preso em flagrante, acusado de matar o enteado de apenas três anos por estrangulamento. O menino Davi Daniel Rosa Rospidi da Silva chegou ao hospital desacordado, levado pelo próprio suspeito, de acordo com informações da polícia.
Ao constatarem a morte da criança e atestarem marcas no pescoço e traumatismo craniano, os médicos do Hospital Presidente Vargas acionaram a polícia, que prendeu Paulo Roberto ainda dentro da instituição.
Segundo o portal G1, Davi Daniel Rosa Rospidi da Silva completaria 4 anos nesta terça e a família preparava uma festa de aniversário para ele.
Manoel Luciano Benitez Gomes, avô da vítima, contou que o suspeito se relacionava com a mãe do menino há três meses e que nunca soube de desentendimentos entre os dois.
“Nunca soube dele bater no meu neto, nada. Ultimamente no Ano Novo andei desconfiando, mas não descobri nada. Foi a única vez que eu desconfiei de alguma coisa, mas não tinha nada concreto”, afirmou.
Ele disse que conversou com a filha e que ela garantiu que não sabia sobre brigas entre a criança e o companheiro. “Ela me falou fielmente e convincentemente que não sabia de nada e que nunca o viu brigando com o Daniel”, disse.

Do Notícias ao Minuto.

0 comentários


EnviarEmoticon

Próxima Proxima
Anterior Anterior