segunda-feira, 3 de abril de 2017

Juninho Bombado', morto em confronto, era visto como 'peça-chave' de quadrilha

Juninho Bombado', morto em confronto, era visto como 'peça-chave' de quadrilha
O assaltante mossoroense Ediondas Duarte Junior, morto no Estado do Ceará, era considerado "peça chave" do grupo criminoso especializado em explodir agências bancárias no Nordeste.
"Juninho Bombado", como era conhecido no mundo do crime, foi morto na intensa troca de tiros entre policiais militares do Ceará e a quadrilha que tentava atacar a agência bancária do município de Jaguaruana, fato ocorrido na madrugada de sábado, 1o de abril.
O delegado Samuel Elâno, chefe da Polícia Federal de Mossoró, e investigadores da polícia civil já sabia da ação criminosa de Juninho, que teria comandado ataques a várias agências bancárias de cidades do Rio Grande do Norte, Ceará e Paraíba, princialmente.
Segundo a polícia, Juninho Bombado era quem manuseava e detonava explosivos.
Outro assaltante morto, identificado pela polícia, é Guilherme Santos da Silva, que foi atingido durante o confronto e morreu no Hospital de Aracati (CE). Guilherme, que era natural de Campina Grande (PB), estava na lista de procurados.
Fonte: Diário de Grossos.

0 comentários


EnviarEmoticon

Próxima Proxima
Anterior Anterior