terça-feira, 19 de setembro de 2017

Palestra em Areia Branca promove conscientização sobre o Setembro Dourado


A importância do diagnóstico precoce do câncer em crianças e adolescentes volta a ser tema de debate. Dessa vez, a palestra promovida pela Associação de Apoio aos Portadores de Câncer de Mossoró e Região (AAPCMR) será realizada em Areia Branca, amanhã, 19, às 9h, no auditório da Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer.
A palestra será ministrada pela onco-hematologista infantojuvenil, Edvis Serafim, através de uma parceria com a Secretaria de Educação de Areia Branca, que está mobilizando educadores, uma vez que esses profissionais têm contato direto com crianças e adolescentes.
A ação dá sequência ao cronograma de atividades estipuladas para o Setembro Dourado, campanha iniciada no interior potiguar no dia 12 desse mês, com o tema 'O diagnóstico precoce do câncer infantojuvenil vale ouro”.
A campanha ganha importância ante estimativas do Instituto Nacional de Câncer José de Alencar Gomes da Silva (INCA), que apontam para a ocorrência de 12.600 novos casos da doença na faixa etária de zero a 19 anos de idade, no Brasil, em 2017.
Ainda de acordo com o Instituto, o câncer é a principal causa de morte por doença em crianças e adolescentes. "Entre 2009 e 2013, a doença foi responsável por cerca de 12% dos óbitos na faixa de 1 a 14 anos, e 8% de 1 a 19 anos. Foram registradas 2.724 mortes por câncer infantojuvenil no Brasil em 2014 (ano mais recente com informações consolidadas)", informa o site do INCA.
Apesar dos índices alarmantes, a doença tem cura e as chances são melhores quando a descoberta é realizada no início, como lembra a onco-hematologista Edvis Serafim. “O índice de cura do câncer em criança, desde que o diagnóstico seja feito precocemente, gira em torno de 70% a 90%”, afirma a médica.

Assessoria de Comunicação.

0 comentários


EnviarEmoticon

Próxima Proxima
Anterior Anterior