segunda-feira, 11 de setembro de 2017

VÍDEO: Cada gol na Arena das Dunas na Copa de 2014 saiu por R$ 400 milhões

Resultado de imagem para VÍDEO: Cada gol na Arena das Dunas na Copa de 2014 saiu por R$ 400 milhões

A Arena das Dunas, em Natal, está sendo investigada pelo superfaturamento de R$ 100 milhões. Foram cinco gols em quatro jogos da Copa de 2014. A Arena custará no valor atualizado mais de R$ 2 bilhões ao governo do estado. Então dá para dizer que cada gol na Arena das Dunas saiu por R$ 400 milhões!
A reportagem exibida neste domingo (10) no programa Fantástico da Rede Globo, revelou um superfaturamento nas obras do estádio. Por outro lado, a reportagem mostrou o atual cenário de superlotação dos dois maiores hospitais do Estado, além da crise financeira com o salário do funcionalismo em atraso.
O Tribunal de Contas do Estado (TCE) está investigando o contrato que visa pagar o financiamento da construção e manter o dia a dia do estádio até o fim da aconcessão, em 2031. A maior parte do financiamento veio de um banco público, o BNDES. E a concessão é da Arena das Dunas, que pertence à própria OAS.
"Que contrato de parceria foi esse onde o parceiro público ele saiu prejudicado, e o parceiro privado teve excessos de ganho", disse o Vladimir Sérgio, presidente da Comissão de Acompanhamento e Fiscalização das Obras da Copa do Mundo - RN, do TCE.
Políticos foram mencionados na matéria. Em destaque o ex-secretário de Túrismo, Henrique Alves (PMDB), acusado de levar dinheiro para ajudar a OAS. O senador José Agripino Maia (DEM) e o ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB) também são investigados por conta da obra.
Já a assessoria de Rosalba Ciarlini (PP), ex-governadora na época da construção do estádio e atual prefeita de Mossoró, disse que o financiamento do BNDES não foi para o governo, mas para a OAS. E que por isso o dinheiro não poderia ir para a saúde, educação ou infraestrutura.



 Via: Blog do Ismael Souza.

0 comentários


EnviarEmoticon

Próxima Proxima
Anterior Anterior