sexta-feira, 26 de outubro de 2018

Ao custo de R$ 3,9 milhões, governo do RN diz que vai restaurar a Fortaleza dos Reis Magos

Fortaleza é a principal edificação cultural e histórica do Rio Grande do Norte, e um marco do início da implantação da capital potiguar.

Fortaleza dos Reis Magos, na praia do Forte — Foto: Canindé Soares
Fortaleza dos Reis Magos, na praia do Forte — Foto: Canindé Soares

O governo do Rio Grande do Norte anunciou nesta sexta-feira (26) que vai restaurar, ao custo de R$ 3,9 milhões, a Fortaleza dos Reis Magos, em Natal. A ordem se serviço foi assinada pelo governador Robinson Faria.
A fortaleza é a principal edificação cultural e histórica do Rio Grande do Norte, e um marco do início da implantação da capital potiguar. Fica no encontro do Rio Potengi com o Oceano Atlântico, na Zona Leste da cidade.
Segundo o governo, a restauração foi orçada em R$ 3,9 milhões, incluindo a adequação às normas de acessibilidade. O prazo de conclusão da obra é novembro de 2019.
Durante as obras, as visitações continuarão acontecendo de terça a domingo, sempre no horário de 8h às 16 horas.
Foto aérea mostra Fortaleza dos Reis Magos. Construção demorou 30 anos e foi concluída em 6 de janeiro de 1598 — Foto: Canindé Soares
Foto aérea mostra Fortaleza dos Reis Magos. Construção demorou 30 anos e foi concluída em 6 de janeiro de 1598 — Foto: Canindé Soares

A fortaleza

A Fortaleza foi tombada em 1949 e ficou sob administração do governo estadual, por meio da Fundação José Augusto. Uma intervenção para a conservação foi realizada em 2005 com recursos do Instituto do Patrimônio Histórico e Arquitetônico Nacional (Ipham), mas apenas em 2013 a gestão foi transferida para a União. Em março desste ano, o governo anunciou que estava retomando a gestão da fortaleza

G1RN.

0 comentários


EnviarEmoticon

Próxima Proxima
Anterior Anterior