segunda-feira, 14 de janeiro de 2019

Governo do RN discute recuperação de reservatório em Caraúbas; obra deve custar R$ 9,1 milhões

 Barragem do Apanha Peixe, em Caraúbas, tem capacidade para até 10 milhões de metros cúbicos de água.

Parede da barragem nunca passou por uma manutenção em sua história recente, segundo o próprio governo do RN — Foto: Divulgação/Governo do RN
Parede da barragem nunca passou por uma manutenção em sua história recente, segundo o próprio governo do RN — Foto: Divulgação/Governo do RN

O governo do Rio Grande do Norte anunciou esta semana que vai reformar a barragem do Apanha Peixe, uma das maiores da região Oeste potiguar. O reservatório fica em Caraúbas e tem capacidade para armazenar até 10 milhões de metros cúbicos de água.
Deteriorada ao longo dos últimos anos, a estrutura do reservatório deve ser recuperada por meio do Governo Cidadão, projeto realizado em parceria com o Banco Mundial. A parede da barragem nunca passou por uma manutenção em sua história recente, segundo o próprio governo.
Barragem do Apanha Peixe tem capacidade para 10 milhões de metros cúbicos de água — Foto: Samira Isly Leite de Morais
Barragem do Apanha Peixe tem capacidade para 10 milhões de metros cúbicos de água — Foto: Samira Isly Leite de Morais

As obras estão orçadas em R$ 9,1 milhões, e contam com recursos do acordo de empréstimo com o Banco Mundial. O objetivo principal do investimento é recuperar a estrutura da barragem para garantir segurança para quando o reservatório estiver cheio. O volume atual da lagoa é de 72,5%.
“Mesmo sem ainda ter assumido oficialmente a pasta de Gestão de Projetos, Fernando Mineiro articulou uma série de reuniões esta semana para agilizar a homologação do processo licitatório da Apanha Peixe, concluído em dezembro. A preocupação é iniciar as obras antes que o inverno chegue e comprometa ainda mais a estrutura da barragem”, ressaltou a assessoria do Governo Cidadão. 

G1 RN.

0 comentários


EnviarEmoticon

Próxima Proxima
Anterior Anterior